Cuidados De Enfermagem Ao Paciente Com Esclerose Lateral Amiotrófica


Cuidados De Enfermagem Ao Paciente Com Esclerose Lateral Amiotrófica


Siebra, L.A.G1, Marinho, G.M.B2, Araújo, F.A.V², Souza, L.L², Amorim Neto, P.D³

1,2Acadêmicos de Enfermagem do Centro Universitário Brasileiro–UNIBRA. Recife – PE. Brasil. 3Enfermeiro. Mestrando em Enfermagem pelo Programa de Pós-graduação em Enfermagem da UFPE. Especialista em Gestão e Auditoria em Saúde pelo IBPEX. Recife–PE Brasil.


Scientific Research and Reviews

Introdução: A Esclerose Lateral Amiotrófica (ELA) é uma degeneração progressiva dos neurônios motores no cérebro e na medula espinhal, que ao perderem a capacidade de transmitir os impulsos nervosos dão origem à doença. Apesar da patologia não ter efeito diretamente nos pulmões, a maioria dos pacientes apresentam consequências que afetam os músculos respiratórios, faringe e laringe, podendo causar insuficiência respiratória e infecções respiratórias, com alto índice de internação levando a morte. Objetivo: Ressaltar a importância da ELA, cuidados e envolvimento da equipe de enfermagem. Material e Métodos: Trata-se de um estudo descritiva do tipo revisão bibliográfica. Resultados e Discussões: O estudo proporcionou conhecimentos sobre a patologia e as dificuldades que os portadores de ELA enfrentam. Para proporcionar melhores condições de atendimento é necessária a atuação de forma conjunta entre família e o serviço de saúde. Um cuidado integral e humanizado ocorre no momento que o enfermeiro é capaz de compreender o paciente e sua complexidade, sendo preciso que desenvolva habilidades promovendo formas de comunicação, sejam elas verbais ou não-verbais. Ainda não existe a possibilidade de cura, nem de estacionar a progressão da doença. O tratamento oferecido consiste no atendimento neurológico, visando medidas paliativas. O papel da enfermagem no cuidado vai além de procedimentos e conduta tecnicistas, sendo importante a promoção do conforto e melhor adaptação possível a doença, necessitando uma maior integração e participação da equipe para a adaptação do paciente juntamente com a família. Conclusão: Ao conhecer as complicações da ELA foi possível observar à importância da realização do cuidado humanizado que leve em consideração as necessidades do paciente considerando todas suas patologias associando-as a suas complicações. A ELA, por ser uma doença rara e de difícil diagnóstico, tem necessidade de maior preparo da equipe de enfermagem que é quem estabelece cuidados contínuos e diretos para seus pacientes.


Palavras-chave: Cuidados de Enfermagem. Doença Crônica. Esclerose Lateral Amiotrófica.

Free Full-text PDF


How to cite this article:
Siebra, L.A.G, Marinho, G.M.B, Araújo, F.A.V, Souza, L.L, Amorim Neto, P.D.Cuidados De Enfermagem Ao Paciente Com Esclerose Lateral Amiotrófica. Scientific Research and Reviews, 2018, 3:27. DOI: 10.28933/srr-2018-06-2827