Diâmetro Dos Vasos Placentários E A Suplementação Sanguínea Fetal Identificada Em Placentas De Recém


Diâmetro Dos Vasos Placentários E A Suplementação Sanguínea Fetal Identificada Em Placentas De Recém-Nascidos A Termo Em Maternidade Públicas Do Recife


Filizola, M. C.1, Oliveira, N. B.2, Santos, D. F. 3, Silva, W. M. V.3, Vieira, M. R. C.4, Anjos, F. B.5
1Estudante do Curso de Medicina da Universidade Federal de Pernambuco – UFPE; 2Estudante do Curso de Enfermagem da Universidade Federal de Pernambuco – UFPE; 3Estudantes do Curso de Farmácia da Universidade Federal de Pernambuco – UFPE; 4Docente/Pesquisadora do Centro Universitário CESMAC – Alagoas; 5Docente/Pesquisadora do Departamento de Embriologia e Histologia da Universidade Federal de Pernambuco – UFPE.


Scientific Research and Reviews

A placenta é um órgão humano pouco estudado e um dos mais importantes para a saúde da mulher e seu feto durante a gravidez. Ao longo do desenvolvimento fetal, a placenta funciona como um agente único da simbiose humana, sistema fetal renal, respiratório, hepático, gastrointestinal, endócrino e imune11.
Sabido da relação da placenta com a saúde da mulher e do seu feto, o estudo do fenótipo da placenta abre caminho para a identificação da causa da morte fetal. A histologia placentária é uma investigação frequentemente empregada que pode fornecer informações importantes para clínicos e pais sobre os motivos da morte de seus filhos12.
O avanço da gravidez depende do estabelecimento e da manutenção de um sistema vascular uteroplacentário eficiente. Durante a gestação, como em qualquer outro processo imunoinflamatório, este sistema inicia e modula uma interação harmônica entre o endotélio vascular materno, as células imunocompetentes presentes localmente e os determinantes antigênicos presentes na superfície do trofoblasto, ativamente regulando o processo de adesão, ativação e migração celular, via modificações na rede de citocinas locais4. A comunicação dos capilares endometriais erodidos com as lacunas do sinciciotrofoblasto estabelece esta circulação do tipo primitiva, no qual o sangue materno flui para nutrir o embrião. Este sistema vascular eficiente, supre com oxigênio e nutrientes de forma adequada ao produto conceptual4.
No estabelecimento da placentação, o trofoblasto se infiltra pela parede endometrial, até alcançar as artérias espirais uterinas, com o citotrofoblasto recobrindo e transformando em vasos de baixa resistência1,4. A placentação permite que a artéria uterina se expanda com a progressão da gestação, evitando a restrição de fluxo sanguíneo à unidade feto-placentária2,4.


Palavras-chave: Diâmetro Dos Vasos Placentários E A Suplementação Sanguínea Fetal Identificada Em Placentas De Recém-Nascidos A Termo Em Maternidade Públicas Do Recife.

Free Full-text PDF


How to cite this article:
Filizola, M. C., Oliveira, N. B., Santos, D. F. , Silva, W. M. V, Vieira, M. R. C., Anjos, F. B.Diâmetro Dos Vasos Placentários E A Suplementação Sanguínea Fetal Identificada Em Placentas De Recém-Nascidos A Termo Em Maternidade Públicas Do Recife..Scientific Research and Reviews, 2019, 9:88. DOI: 10.28933/srr-2018-06-2888