A Invisibilidade Do Princípio Da Integralidade Na Política Nacional De Atenção Integral À Saúde Do Homem


A Invisibilidade Do Princípio Da Integralidade Na Política Nacional De Atenção Integral À Saúde Do Homem


João Pedro Sobral Neto¹, Bárbara Angélica Bispo Fernandes do Nascimento², Carla Coutinho da Silva³, Tatiana Cristina Nascimento Ramos de Souza Araújo4, Talita Helena Monteiro de Moura5, Carolina Piedade Morais de Freitas Soares Silva6.

1. Biomédico. Residente Multiprofissional em Saúde Coletiva pelo Instituto Aggeu Magalhães – IAM/FIOCRUZ-PE. 2. Enfermeira. Residente Multiprofissional em Cuidados Paliativos pelo Instituto de Medicina Integral Professor Fernando Figueira – IMIP. 3. Enfermeira. Residente Multiprofissional em Oncologia e Cuidados Paliativos pelo Centro Universitário Tabosa de Almeida – ASCES-UNITA. 4. Enfermeira. Gerente da Enfermaria em Cuidados Paliativos do Instituto de Medicina Integral Professor Fernando Figueira – IMIP. 5. Enfermeira. Coordenadora de Atenção Básica da Secretaria Municipal de Saúde do Jaboatão dos Guararapes. 6. Enfermeira. Superintendente de Atenção à Saúde da Secretaria Municipal de Saúde do Jaboatão dos Guararapes.


Scientific Research and Reviews

A Política Nacional de Atenção Integral à Saúde do Homem tem como objetivo facilitar e ampliar o acesso com qualidade da população masculina às ações e aos serviços de assistência integral à saúde no Sistema Único de Saúde. O presente estudo tem por objetivo analisar os aspectos que levam à não integralidade da Política Nacional de Atenção Integral à Saúde do Homem. Para sua realização, a pesquisa foi dividida em dois momentos. O primeiro de leitura dos documentos oficiais do Ministério da Saúde acerca da política e o segundo de consulta à artigos científicos sobre a mesma. Observou-se que a Política Nacional de Atenção Integral à Saúde do Homem não foi efetivada na prática assistencial e que, seus princípios e diretrizes são empregados de forma pontual.


Palavras-chave: Integralidade; Política Nacional de Atenção Integral à Saúde do Homem; Sistema Único de Saúde.

Free Full-text PDF


How to cite this article:
João Pedro Sobral Neto, Bárbara Angélica Bispo Fernandes do Nascimento, Carla Coutinho da Silva, Tatiana Cristina Nascimento Ramos de Souza Araújo, Talita Helena Monteiro de Moura, Carolina Piedade Morais de Freitas Soares Silva. A Invisibilidade Do Princípio Da Integralidade Na Política Nacional De Atenção Integral À Saúde Do Homem .Scientific Research and Reviews, 2019, 10:91. DOI: 10.28933/srr-2018-06-2891